50 Shades Of Grey

Decepção define: Cinquenta Tons de Cinza.

11:03:00 da manhã


Queridos e queridas!Como mais uma meta para o próximo ano, estou aqui para tentar carregar esse blog com mais carinho e atenção e vou começar fazendo isso com uma crítica que, provavelmente, vai render muitos bicos torcidos por aí.
ESSE CONTEÚDO PODE SER CONSIDERADO IMPRÓPRIO PARA MENOS DE 18 ANOS!

Nos últimos momentos de 2012 me rendi à curiosidade e (finalmente) li o tão famoso "Cinquenta Tons de Cinza". O resultado é literalmente o que o título desse post diz: DECEPÇÃO! Não apenas com a história, com a escrita ou com todos os pontos básicos que um bom livro deve ter, mas também pela inacreditável - e preciso acrescentar: desmerecida - adoração mundial por essa porcaria literária. 
"Nossa, Tuh! Mas não pode ser tão ruim assim. Afinal de contas o dito cujo está no topo das melhores livrarias mundias!"
Acreditem em mim. Ele não só pode ser tão ruim, como É terrivelmente ruim! 
Se trata de um livro exageradamente grande - considerando o seu conteúdo - com um vocabulário pobre, descrições igualmente pobres e repetitivas. Para piorar a situação, nem o desenvolvimento do enredo consegue salvar a obra de E.L. James. 
Em poucas palavras, Anastasia Steele é uma publicitária recém formada que faz um favor para sua amiga Kate e conhece Christian Grey, um homem lindo, rico e sedutor. Aos poucos ela descobre que Sr. Grey é uma pessoa extremamente dominadora com gostos sexuais excêntricos e eles se apaixonam. A "graça" da coisa é que ela é virgem e não sabe como lidar com o jeito dele (vide dominação, submissão e até BDSM no Google) e ele também não sabe direito como lidar com a ingenuidade dela (vide vanilla sex no Google). O recheio do livro é a busca de Anastesia pelo passado de Christian a fim de justificar seu presente e seu jeito complicado enquanto eles vivem uma intensa e estranha paixão. 
Okay, até aí parece uma história, no mínimo, curiosa. Mas conforme vira as páginas a coisa simplesmente não anda! Como muitos já disseram, o livro se resume em um milhão de cenas de sexo explícito que mal surtem o efeito erótico esperado!!! E no final você se pega perguntando porquê tanta volta, tanta informação se nada é explicado. 
Não vou bancar a "do contra" e dizer que Christian Grey é um fracasso. Não, amores. Ele é realmente charmoso, bonito e muito, muito bom de cama. Mas é isso. Apenas isso. Suspiros de verdade ele só consegue arrancar de adolescentes, ou mulheres extremamente carentes. 
O fato é que eu poderia passar mais umas 50 linhas falando sobre o quanto esse livro é realmente uma derrota. Uma derrota por ser tão famoso, sendo tão ruim. Uma derrota por tentar ter uma história interessante e não passar de cenas eróticas mal encaixadas e uma derrota maior ainda porque vai virar filme.

Se você leu "50 Shades Of Grey" e acha essa criatura o homem de sua vida e o livro uma obra extraordinária, reveja seus conceitos, por favor. Sei que gosto não se discute, mas acho válida uma reavaliação.
Se você não leu e não é muito de ler, não perca seu tempo.
Se você não leu, mas é uma tracinha de livros (como eu), leia e me diga o que achou depois! 

Discorda, concorda ou tem algo a acrescentar. Só comentar. 
Um beijo pra você. 

Tuane C.